Tronco de Natal

Tronco de Natal

Receita tradicional de Tronco de Natal.

Tronco de natal é uma sobremesa típica dos países francófonos servida nos dias próximos de final do ano.

Como o nome indica. É feito para que se pareça com um pedaço de lenha, como se usava nos festivais de fogo, nos solstício de inverno.

 

Ingredientes:

120 Gr. Açúcar

125 Gr. Farinha (usei sem fermento Pingo Doce)

6 Ovos

200 Gr. natas (usei caseiras)

1 Tablete de chocolate (usei Pingo Doce)

200 Gr. manteiga à temperatura ambiente

 

Preparação:

Na bimby, fiz as natas.

Coloquei-as num tacho, ao lume e deixei ferver.

Desliguei e coloquei o chocolate partido em pedaços e deixei derreter, mexendo sempre.

Numa taça, coloquei a manteiga e bati com a batedeira até ficar no dobro do volume. Juntei ao chocolate e mexi até ficar num creme liso.

 

Pré-aqueci o forno a 180ºC e untei um tabuleiro, coloquei papel vegetal e voltei a untar (só para ser mais fácil sair do papel e enrolar).

Separei as gemas das claras.

Bati as claras em castelo.

Juntei o açúcar às gemas e bati muito bem até ficar um creme esbranquiçado.

Juntei a farinha e envolvi muito bem.

Juntei as claras e envolvi com cuidado.

Deitei a massa no tabuleiro e espalhei.

Coloquei no forno durante 10 minutos.

Passado os 10 minutos, retirei do forno e tirei o bolo (puxei pelo papel) do tabuleiro.

Deixei arrefecer durante 5 minutos.

Espalhei o chocolate no bolo e com a ajuda do papel enrolei com cuidado.

Cortei uma ponta da torta e essa ponta dividi-a ao meio com um corte transversal para fazer 2 tronquinhos que prendi à torta com ajuda de palitos.

Barrei com o chocolate.

Decorei com umas frutas cristalizadas, mas poderia ter sido com fios de ovos.

Tronco de Natal

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Uma delicia!

Sobre susanasilva 219 artigos
Sou a Susana, sou casada e tenho 2 filhos, um casal. Moro em Mafra mas sou do Porto. Pensei em criar este blog a pedido de amigos que gostam do que cozinho. Gosto de cozinhar mas não gosto de perder tempo na cozinha. Gosto de refeições fáceis, rápidas, saborosas e para além disso, que não sejam dispendiosas. Quero mostrar que as marcar brancas dos supermercados para além de serem mais baratas são tão boas ou melhores que as de marca própria. Compro tudo o que é possível de marca branca, experimentei os produtos de todos os supermercados, fiz comparações e sei quais os melhores produtos. Cozinho de tudo e como de tudo, o que ajuda.

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário