Red Velvet

Red Velvet

Receita do Tradicional bolo “Red Velvet”.

Agora que o frio já se sente, decidi começar a fazer bolos com recheio e cobertura para treinar para os aniversários. Decidi fazer para começar o Red Velvet.

E não me sai muito mal.

Ingredientes:

2 Chávenas de Farinha Peneirada (usei sem fermento Pingo Doce)

1 colher chá fermento (uso o do Pingo Doce)

1 colher sobremesa sal

2 Colheres sopa Cacau em pó

50 Ml Corante alimentar Vermelho (usei uma bisnaga que não tinha 50 ml)

1/2 chávena manteiga sem sal à temperatura ambiente

½ Chávena Açúcar (na receita original era 1+1/2)

2 Ovos (usei tamanho M Pingo Doce)

1 Chávena chá de buttermilk

1 colher chá de vinagre branco

1 colher chá bicarbonato de sódio

Cream cheese para rechear e cobrir

 

Preparação:

Comecei por fazer o Buttermilk e reservei.

Pré-aqueci o forno a 180ºC.

Numa taça, juntei a farinha peneirada, o fermento e o sal.

Numa tigela misturei o cacau com o corante (no inicio não conseguia ver o vermelho, mas passado um minuto, lá apareceu). Reservei.

Noutra taça, bati com a batedeira a manteiga e o açúcar até ficar num creme fofo.

Juntei os ovos, um a um.

Juntei o corante e continuei a bater.

Juntei 1/3 da farinha e depois ½ do buttermilk. Continuei sempre a bater.

Acrescentei mais 1/3 da farinha e o que restou do buttermilk.

Continuei a bater e por fim juntei a farinha que faltava. Bati até ficar homogéneo.

Numa tacinha, coloquei o bicarbonato e juntei o vinagre. Atenção: Vai começar a efervescer. Basta mexer bem e juntar à massa.

Envolver bem e colocar na forma para ir ao forno durante 30 minutos (depende do forno).

Retirei e deixei arrefecer 10 minutos antes de o desenformar.

Cobri e recheei com Cream cheese.

Red Velvet

 

 

Sobre susanasilva 173 artigos
Sou a Susana, sou casada e tenho 2 filhos, um casal. Moro em Mafra mas sou do Porto. Pensei em criar este blog a pedido de amigos que gostam do que cozinho. Gosto de cozinhar mas não gosto de perder tempo na cozinha. Gosto de refeições fáceis, rápidas, saborosas e para além disso, que não sejam dispendiosas. Quero mostrar que as marcar brancas dos supermercados para além de serem mais baratas são tão boas ou melhores que as de marca própria. Compro tudo o que é possível de marca branca, experimentei os produtos de todos os supermercados, fiz comparações e sei quais os melhores produtos. Cozinho de tudo e como de tudo, o que ajuda.

2 Comentários

Escreve o teu comentário