Profiteroles sem glúten

Receita de Profiteroles sem glúten.

Aqui no blog já há receita de profiteroles, esta é diferente. São profiteroles sem glúten, feitos com amido de milho.

Perguntam-me muitas vezes qual a diferença entre Profiteroles e Eclairs. Na realidade são ambas feitas da mesma massa (choux), quando vai ao forno, expande e fica oca. Quando é comprida, chamamos de éclair (bomba no Brasil) quando é bola é profiterole (carolina no Brasil).

 

Pode ser recheada com creme de pasteleiro ou Chantilly e coberta com uma variedade de molhos, mas o mais usual é o chocolate.

 

Ingredientes:

100 Gr. Creme Vegetal (usei caseiro)

125 Gr. Amido de Milho

200 Ml. Água

4 Ovos + 1 Pincelar

1 Colher Sopa Açúcar

1 Colher Café Sal

 

Preparação:

Pré-aqueci o forno a 200ºC.

Num tacho, juntei a água, o creme vegetal e o sal e levei a ferver em lume médio.

Quando o creme vegetal derreteu e ficou dissolvido na água, coloquei a farinha.

Misturei bem até que descolou do tacho.

Retirei do lume e juntei os ovos um a um com bastante energia.

Eu faço com a batedeira com as varetas onduladas na velocidade máxima, para a massa ficar elástica e oca quando cozer.

Coloquei num tabuleiro uma folha de papel vegetal e com a ajuda de duas colheres fiz umas bolas (o melhor é ser com um saco de pasteleiro).

Pincelei com o ultimo ovo batido e foi ao forno durante 15 minutos (depende do forno)

Quando passaram os 15 minutos, desliguei o forno e mantive os bolinhos lá dentro até o forno arrefecer. Se os retirar ou abrir a porta, a massa minga e não fica oca e crocante.

Retirei do forno e estão prontos a ser recheados.

Profiteroles sem glúten

 

 

 

 

 

 

 

Uma delícia!

Sobre susanasilva 311 artigos
O Pão Pão Queijo Queijo, foi criado a pedido de amigos, que gostam do que cozinho. Gostam de receitas fáceis, rápidas e deliciosas. Gosto de fazer experiências com todos os produtos e marcas. Faço comparações e sei quais os melhores produtos e mais baratos. Para além de a partir de certa altura na curta vida do blogue, ter necessidade de fazer e inventar receitas sem glúten.

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário