Doce de Chila

doce de chila

 

Receita de doce de chila.

A chila ou gila, é usada como doce de fios brancos em vários doces tradicionais e conventuais. Alguns desses doces são clássicos nesta altura do ano.

 

A chila vem duma abóbora que pesa entre 1 e 4 kilos. É conhecida por chila-caiota ou gila-caiota (em Portugal) e por “melancia de porco” (usa-se na alimentação desse animal.

O doce, apesar de trabalhoso, é fácil e fica delicioso.

Deve ter atenção ao facto de não poder usar objetos metálicos na obtenção deste doce. Altera o sabor.

Na receita original, o açúcar tem o mesmo peso que a chila, eu uso sempre menos.

Ingredientes:

1 Abóbora de chila

Açúcar (peso da abóbora cozida e escorrida -200 gramas)

1 casca de limão

1 Pau de canela

Sal

250 Ml. Água

Preparação:

Parti a abóbora, atirando-a ao chão.

Com as mãos, separei a abóbora em vários pedaços.

Retirei as sementes e os filamentos amarelos.

Lavei, em várias águas, os pedaços da abóbora. Lavei até que deixasse de deitar espuma.

Numa bacia, com bastante água, coloquei os pedaços com a casca virada para cima, de um dia para o outro.

No dia seguinte, coloquei numa panela grande, água a ferver com sal e coloquei os pedaços a cozer durante 45 minutos.

Ficaram tenros e a casca começou a soltar-se.

Retirei e deixei arrefecer.

Com uma colher de plástico (não consegui com a de pau) raspei os fios para dentro duma taça.

Deixei a escorrer durante 1 hora.

Já sem água, pesei (para saber o peso do açúcar)

No meu caso pesava 1280 gramas.

Coloquei 1 kilo de açúcar, num tacho com a água e deixei atingir o ponto pérola (demora mais ou menos 7 minutos e vê-se quando, ao mexermos a calda com uma colher, esta cai da colher em gotas.

Juntei a abobora e fui mexendo para os fios se separarem.
Deixei ferver até que, com a colher de pau, ao passar no fundo do tacho, fizesse uma “estrada”.

Apaguei o lume e deixei arrefecer.

Coloquei frascos a esterilizar e guardei a chila neles.

 

 

 

 

 

 

 

Uma delicia!

 

 

 

Sobre susanasilva 203 artigos

Sou a Susana, sou casada e tenho 2 filhos, um casal.
Moro em Mafra mas sou do Porto.
Pensei em criar este blog a pedido de amigos que gostam do que cozinho.
Gosto de cozinhar mas não gosto de perder tempo na cozinha.
Gosto de refeições fáceis, rápidas, saborosas e para além disso, que não sejam dispendiosas.
Quero mostrar que as marcar brancas dos supermercados para além de serem mais baratas são tão boas ou melhores que as de marca própria.
Compro tudo o que é possível de marca branca, experimentei os produtos de todos os supermercados, fiz comparações e sei quais os melhores produtos.
Cozinho de tudo e como de tudo, o que ajuda.

Seja o primeiro a comentar

Escreve o teu comentário